Seja bem vindo ao nosso site!

  

Busca

Enquete

Se você fosse prefeito de Caratinga no que você investiria?

Quais as doenças amedrontam mais os brasileiros

De acordo com a pesquisa internacional de saúde Bupa Health Pulse 2010, dentre todas as doenças crônicas, 33% dos entrevistados no Brasil disseram que se preocupam mais com o câncer e menos de 10% colocaram as doenças cardíacas e diabetes como a principal preocupação. Além disso, 25% dos brasileiros acreditam que a obesidade é o maior problema de saúde do País em termos de número de pessoas afetadas.

Dados do Ministério da Saúde indicam que são as doenças cerebrovasculares, como o derrame, que mais matam no País. O último ranking divulgado pelo Ministério da Saúde é do ano de 2010. A lista com as 20 patologias que mais causam vítimas fatais é:
1 - Doenças cerebrovasculares: 99.732
2 - Infarto agudo do miocárdio: 79.668
3 - Pneumonias: 55.055
4 - Diabetes mellitus: 54.877
5 - Doenças hipertensivas: 45.054
6 - Bronquite, enfisema, asma: 40.608
7 - Insuficiência cardíaca: 27.544
8 - Câncer do pulmão: 21.779
9 - Cirrose e doenças crônicas do fígado: 19.345
10 - Câncer de estômago: 13.402
11 - Miocardiopatias: 13.402
12 - Septicemia: 12.983
13 - Câncer de mama: 12.853
14 - Câncer de próstata: 12.778
15 - Aids: 12.151
16 - Insuficiência renal: 11.552
17 - Câncer de cólon: 8.385
18 - Câncer de fígado: 7.721
19 - Câncer de esôfago: 7.645
20 - Câncer de pâncreas: 7.440

Qual doença você tem mais medo?
O DIÁRIO percorreu as ruas de Caratinga perguntando qual doença as pessoas tem mais medo. Para nossa surpresa, o receio da Aids ainda está presente.

“Tenho medo de sofrer do coração, ter um infarto e morrer. Minha preocupação é tão grande que na semana passada fiz um eletrocardiograma e, felizmente, está tudo bem comigo, graças a Deus”. Andréia Cristina Romão, 39 anos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Tenho medo de contrair Aids. Sou casado e respeito minha mulher. Mas esta doença é transmitida de outras formas. Daí o meu receio”. Cássio da Silva, 23 anos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Sou casado e fiel, mas a Aids é o meu maior temor. Pois a doença pode ser transmitida através de uma transfusão de sangue ou com algum material que perfura a pele, caso de seringas ou agulha. Por isso este tipo de material tem que ser descartável”. Jesus Chagas do Nascimento, 45 anos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Tenho medo de sofrer do coração, ter um infarto e morrer. Minha preocupação é tão grande que na semana passada fiz um eletrocardiograma e, felizmente, está tudo bem comigo, graças a Deus”. Andréia Cristina Romão, 39 anos

 

Facebook